Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Bruxinha...

A Bruxinha...

E como prometido, hoje conto-vos a história do dia do meu parto!

386491_350859381607134_861716255_n.jpg

O grande dia, era naquele dia, não passava daquele dia, 41semanas.

Parto marcado. Nada de medos....

Eram 8H da manhã lá estava eu, toda animada a pensar que iamos despachar logo aquilo de manhã, mas não...

Ouve mais grávidas apressadas a querer parir, estava tudo entupido, era como se as parteiras estivessem a "virar frangos".

Pronto, lá fui eu para o quarto esperar que me aquilo acalmasse no núcleo de partos.

Era 14h, lá fui eu.

Sem medos, queria era despachar a cena...

14:30h, deram-me a medicação e a epidural.

- Menina está a sentir frio??? (na epidural)

- Sim, algum .... (nenhum.... )

E lá fui para a maca esperar pela minha horinha...

Contrações, ao de leve, ok aguento!

(deu para dizermos umas piadolas)

Crontações moderadas, está a ficar chato....

(mas ainda com a boa disposição)

Pimba mais uma dose de epidural!

Contrações agravar, óh meu Deus como vou aguentar!

(o caso já estava a ficar mais sério)

Pimba mais outra dose de epidural!

O médico bem rebentar as águas, às 17h (em ponto) e diz o marido pó médico:

-óh senhor doutor, quanto tempo isto ainda vai demorar???

- Tem aqui para mais 5horas

O QUE???? ESTÃO A BRINCAR COMIGO???? TENHO AQUI ATÉ ÀS 22H?!!!?!?!? EU NÃO AGUENTO!!!!!!!!!!!!!

(isto a surgir no meu pensamento)

Nisto o médico vai à vidinha dele e diz-me o homem:

- Olha vou comer alguma coisa e já venho, tou cheio de fome.

- ok vai lá. (desesperadinha de dores)

E lá foi o desgraçado!! Mas, perdeu-se  e veio para trás. (bem feito!!)

Entretanto mal chega à minha beira, começo a entrar em trabalho de parto, ali sozinha com ele naquela sala sem mais nenhuma alma pequena.

- Chama a enfermeira, que eu quero fazer cocó! (Hello, o moço tá a nascer)

- Queres fazer cocó??? Então faz ai! (Foda-se homem não percebes nada!)

_ CHAMAAAAAAAAAAAA A ENFERMEIRAAAAA QUE O MOÇO ESTÁ A NASCERRRRRRRRRRRRRR!!!!!!!!!!!!

(eu aos berros, toda gente ouviu, que consolo :) )

Lá veio tudo....

- óh menina levante as pernas... (em modo a gozarem comigo)

E eu lá as levantei como se nada fosse, ficaram com cara de casa, pois afinal eu queixava-me com razão!

Mas pronto, não havia nada a fazer, o moço ia nascer!

Cantal diz a parteira pó homem:

-Quer vir ver a cabeçinha do seu filho???? (O QUÊ MAS ELA ESTÁ MALUCA! O HOMEM DESMAIA-ME JÁ AQUI!!!)

E lá foi ele ver, rijo como o aço!

Entretanto volta pá minha beira...

Começa as contrações com os puchões!

Hora de puxar!!!! Puxava e puxava e puxava e só me sentia "entalada" (mas que raio, puxo o quê???)

E tinha o homem ao meu lado, literalmente em pulgas e as saltinhos, sempre a dizer :

-Puxa, puxa, tá a sair.

Puxa, puxa, tá quase....

Puxa, puxa, puxa, puxa.....

(Cala-te homem, já não te posso ouvir!!)

Mas nisto, lá veio a abençoada enfermeira dar-me uma cotovolada na barriga, e o pilas saiu!

Nasceu às 17:55h.

Foi a melhor sensação do mundo! Ai as lágrimas escorreram, de alegria .

E foi a partir dali, daquele momento, que tudo mudou, para melhor!

Um Filho enche-nos o , não à amor igual, não à palavras para descrevermos tal sentimento!

409149_350861234940282_539921467_n.jpg

 

 

6 comentários

  • Imagem de perfil

    A Bruxinha... 28.02.2016 20:21

    Obrigada, de quê???
  • Imagem de perfil

    LadyVih 28.02.2016 21:24

    Por me Teres feito verter umas pinguinhas de xixi...
  • Imagem de perfil

    A Bruxinha... 28.02.2016 21:26

    Ahahhahahhh.... Nunca pior .
    Olha que no parto por vezes isso também acontece, mas são pormenores, vergonhosos pormenores...
  • Imagem de perfil

    LadyVih 28.02.2016 21:29

    Isso é problema depois de quem limpa... tu estavas a fazer nascer mais um habitante deste mundo!
  • Imagem de perfil

    A Bruxinha... 28.02.2016 21:33

    Eu só dizia "ai desculpe, desculpe" , mas apanhei uma equipa 5* . O que interessava no momento era puxar, mais nada... Como senti TUDO, quando dá a contração para puxar, não à hipótese, puxa se mesmo, não se consegue controlar nem contrariar a situação...
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.