Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Bruxinha...

A Bruxinha...

A saga das cuecas persegue-nos!

Não é assim Caracol??

Trago-vos mais um episódio daqueles...

Há cerca de 2/3 meses, comprei um macacão lindissimo,

simples, corte elegante e tamanho único!

Achava eu que aquela beleza me serviria, afinal era tamanho único...

Um domingo, decidi usá-lo, estava toda feliz da vida senão quando de repente essa felicidade passa-me num lápsie.

Vesti-o e comecei a sentir os bifes apertados, mas o bruxinho disse que ficava-me bem e como não cabia de baba pelo elogio, lá o levei...

A caminho de casa da cunhada percebo que algo não estava ali bem...

Como poderia estar eu a ver a pele das minhas coxas???

Bem...

Chego lá, letra para aqui, letra para ali e diz-me ela  :

C- Óh cunhada, porque raio estou a ver as tuas cuecas??? (e ria-se feita perdida)

B- Olha lá, eu não te disse para veres se isto ficava bem?? Não viste isto, não???

M(arido)- Não reparei!

B- Como não reparaste???? Eu bem me parecia que algo estava mal!!!!

 

O Macacão é em algodão, se fosse polyster não havia stress, mas de algodão conforme vai esticando vai-se vendo o "conteúdo".

 

C- Eu tenho ali um casaco, comprido, queres que te empreste??

B - Sim, pode ser. (oh my good! Que mal fiz eu a Deus para ir agora sair com um casaco escroque! )

 

Foi o que pensei, mas estava redondamente enganada, afinal o raio do casaco era bonita e salvou-me o rabiosque.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    A Bruxinha... 21.07.2016 10:11

    É que se levasse umas cuecas cor de pele ainda passava vez... Mas não ... Eu acho que as cuecas me persegue!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.